segunda-feira, 12 de agosto de 2019

Quem faz a Julita acontecer #5: Evelyn Inouye





“Quando eu cheguei aqui para a entrevista, vi o lugar e fiquei encantada. Fiz o processo seletivo, mas não tinha certeza se iria passar ou não, pois tinha mais gente concorrendo comigo à vaga. Quando a coordenadora da época me ligou e falou: ‘selecionei você, você irá trabalhar conosco’; fiquei tão feliz! De todos, para mim, esse foi o momento mais marcante aqui na Fundação; o da minha contratação”. Evelyn Inouye, 32 anos.

Iniciamos uma série para contar um pouco sobre a história de pessoas que fazem a Fundação Julita acontecer, que se dedicam para a realização deste trabalho que soma mais de 67 anos de história, com um grande impacto na população, beneficiando 1.200 pessoas de todas as idades em situação de vulnerabilidade social por meio da transformação de vida. Hoje vamos contar um pouco sobre a Evelyn Inouye:

A Julita alimenta em torno de 1.200 pessoas por dia, e quem cuida dessa demanda é a nossa nutricionista Evelyn Inouye, que, com carinho, também participa da área de produção; coordena as equipes de cozinha da Educação Infantil e do refeitório central; faz prestação de compras, entre outras coisas.
Mas antes de ser nutricionista da Fundação, ela foi educadora do Centro de Juventude (CJ): “Participei do processo seletivo para o CJ como educadora, depois migrei para o setor de nutrição; atualmente sou nutricionista da Fundação. Trabalho na organização há 13 anos”.

Evelyn tem muitas recordações boas da época de educadora! O Centro de Juventude tem como objetivo desenvolver habilidades e potenciais, além de fortalecer a cidadania e os vínculos familiares e comunitários dos jovens. O convívio dos jovens com os educadores traz um pouco dos valores que a Fundação Julita tem, como respeito com a situação atual do jovem e a flexibilidade de atendê-los igualmente, fazendo com que as dificuldades dessa fase não sejam uma vivência difícil.

“Um momento bonito do trabalho de nutrição foi quando investimos todas as forças para o desenvolvimento de uma criança com traços de autismo com 2 para 3 anos, para ele se alimentar. Também fizemos um trabalho com a família e com os educadores. Quando ele começou a comer, as meninas da cozinha filmaram e fizemos uma festa; foi um momento tão lindo que as educadoras até choraram!”, conta a nutricionista.

Evelyn traz vários momentos diários que fazem uma somatória de sua profissão, como a superação da equipe da cozinha, pacientes que escutam suas orientações e têm resultados; até mesmo quando um idoso ou um funcionário a procura para orientação. “Assim fui criando minhas ‘raízes’ aqui na Julita”.

“Uma palavra para definir a Fundação é amor; eu trabalho aqui por amor. Um sentimento é gratidão, o que eu sinto é muito forte por esse lugar, eu sou muito grata. Eu venho muito feliz trabalhar, é um lugar que me renova todos os dias, é um lugar que eu me sinto pertencente, tem a ver com o meu propósito de vida que é gratidão e amor”.

Evelyn, emocionada, conclui: “Meu propósito na Julita como nutricionista é disseminar a cultura da alimentação saudável, a questão da garantia do acesso à alimentação e, assim, participar e contribuir para a formação do indivíduo desde a criança até o idoso”.

Reportagem Kelly Lemos



quarta-feira, 7 de agosto de 2019

Programa Jovem Aprendiz da Fundação Julita

O Programa Jovem Aprendiz da Fundação Julita promove o acompanhamento de jovens durante sua atuação como aprendizes, a fim de ajudá-los em seu projeto de vida e na busca por caminhos mais assertivos por meio de planejamento, autoavaliação e autoconhecimento.

O Programa realiza encaminhamento dos jovens para empresas parceiras, como Arrow, Vermont e Honda. Atualmente, beneficia 50 jovens de 14 a 24 anos. Para fazer parte do Jovem Aprendiz na Julita, o jovem precisa ter participado de programas da Fundação. O Jovem Aprendiz Julita passa por algumas etapas dentro da organização. Confira abaixo o caminho do jovem aprendiz na Fundação

Passo 1 – Jovem realizada formação no Centro para Juventude - preparação para o mercado de trabalho – e/ou nos cursos profissionalizantes da Fundação Julita 
Passo 2 – Após a conclusão das formações, participa da Jornada Jovem Aprendiz (sensibilização dos jovens para o Programa Jovem Aprendiz) 
Passo 3 – Após a jornada, entram para um Banco de Dados 
Passo 4 – Empresa parceira envia vaga especificando o perfil do jovem aprendiz procurado e as tarefas que serão desenvolvidas
Passo 5 – Com base neste perfil, o jovem é selecionado (primeiramente pela Fundação) e vem até a organização para uma entrevista e orientações iniciais a respeito da vaga 
Passo 6 – Daí é encaminhado para a empresa atendendo ao perfil específico de cada vaga
Passo 7 – Jovem é contratado ou não como jovem aprendiz a critério da empresa 
Passo 8 - O jovem faz o acompanhamento semanal aqui na Fundação Julita e continua o processo formativo durante todo o período do contrato. A Fundação também realiza visitas à empresa e faz reuniões periódicas com o jovem 
Passo 9 – Jovem pode ser efetivado ou não na empresa
Passo 10 – As histórias que constroem após a vivência.

quinta-feira, 1 de agosto de 2019

Férias é na Fundação Julita


Durante o período de 15 a 26 de julho, aconteceu o evento "Férias na Julita", que é um umas das ações realizadas pelo Centro de Educação pelo Esporte, em parceria com os Jovens Monitores em Esporte. O objetivo da iniciativa é propor vivências como: brincadeiras, jogos, oficinas, dinâmicas, dança, aventura, atletismo, atividades esportivas mais elaboradas, entre outras. 

Segundo Renata Roza, supervisora do Centro de Esporte, é motivo de alegria poder propiciar às crianças momentos de diversão, lazer e entretenimento, além de nos alegrar vê-los envolvidos nas atividades que foram carinhosamente elaboradas pelos nossos educandos do projeto Jovens Monitores.

Estas atividades são mediadas pelos jovens monitores como resultado dos conteúdos discutidos no decorrer do curso, ancoradas na metodologia do Esporte Educacional e da Cultura Corporal de Movimento, tornando prático e aplicando o aprendizado adquirido na formação do primeiro semestre do curso. O evento "Férias na Julita" acontece nos meses de julho e dezembro e ambos os períodos são ansiosamente aguardados pelos educandos. Participam do evento cerca de 180 crianças e adolescentes. 

"Uma das justificativas que embasam o projeto de Esporte é o fato de o Jardim São Luís ter poucos espaços de lazer e para a prática esportiva mediada e,  entre os que existem, há diversas problemáticas, como falta de manutenção nos equipamentos e pouca diversidade na oferta de práticas. Diante disso, essa iniciativa é muito importante para o território, pois oportuniza tanto para as crianças e os adolescentes que participam de projetos na organização, o direito ao brincar e ao lazer por meio de atividades, jogos e brincadeiras que trabalham, além da diversão, questões de gênero e relações de poder.", explica Renata Roza.
Para finalizar o evento é realizada uma festa com alimentação especial, quadrilhas, atividades esportivas e a presença marcante do Maracatu, que já é tradicional na Fundação Julita. 

Confira os melhores momentos do Férias na Julita no nosso facebook: Clique aqui

terça-feira, 16 de julho de 2019

Inscrições abertas para os cursos de jovens e adultos


Centro para a juventude (gratuito): de 15 à 17 anos

·Oficinas de Gestão de Alimentos, Educomunicação, Protagonismo juvenil, Educação ambiental e Esporte

·  De segunda à sexta feira das 8h30 às 12h00 ou das 13h00 às 17h00

Para se inscrever Clique AQUI

Assistente administrativo (gratuito):  de 16 à 29 anos

·       Técnicas administrativas

·       De segunda à sexta feira das 8h30 às 12h00

Para se inscrever  Clique AQUI

Gestão para o comércio (gratuito): de 18 à 40 anos

·  Técnicas de gestão comercial, vendas e administração

·   De segunda à quinta-feira das 18h30 às 21h30

Para se inscrever  Clique AQUI

As inscrições também podem ser realizadas pessoalmente às terças, quartas e quintas-feiras  das 08:30 às 11:30 e a tarde das 13:30 às 16:30. 

OBS: O candidato inscrito deve acompanhar a divulgação das vagas do curso através do nosso blog ou na Página da Fundação Julita no Facebook.